Sexta-feira
15 de Dezembro de 2017 - 

Controle de Processos

Newsletter

Previsão do tempo

Hoje - São Paulo, SP

31ºC
19ºC
Pancadas de Chuva a

Hoje - Rio de Janeiro,...

33ºC
23ºC
Parcialmente Nublado

Hoje - Porto Alegre, R...

30ºC
18ºC
Predomínio de

Últimas notícias

EPM realiza o curso ‘Teoria e prática do novo Código de Processo Civil’ para magistrados

Curso utilizou a plataforma moodle. Foi ministrado no último dia 1º o módulo presencial do curso de formação continuada Teoria e prática do novo Código de Processo Civil da EPM, promovido simultaneamente na sede da Escola e nos núcleos regionais, com objetivo de proporcionar uma aplicação ainda mais eficiente dos princípios e regras do novo CPC. O evento concluiu a programação do curso, que teve módulos a distância disponibilizados na plataforma virtual moodle, de 26 de outubro a 19 de novembro. Foi realizado um módulo inicial de ambientação e outros três sobre os temas “Alicerces constitucionais e principiológicos do novo processo civil”, “Tutelas provisórias de urgência”, e “Os honorários advocatícios nos incidentes”. A metodologia abrangeu a disponibilização de apostilas e outros materiais de apoio e atividades, como fóruns de discussão e a criação de um glossário de questões sobre o novo CPC, entre outras. O diretor da EPM, desembargador Antonio Carlos Villen, agradeceu o empenho dos magistrados e servidores envolvidos na realização do curso, salientando que foram necessários alguns meses de trabalho para possibilitar a utilização da plataforma moodle pela EPM e pela Escola Judicial de Servidores (EJUS), iniciada no curso para vitaliciamento dos juízes do 185º Concurso de Ingresso e depois adotada no curso “Questões relevantes do novo CPC – teoria e prática” da EJUS. “É um motivo de alegria para todos nós a utilização a plataforma moodle, porque ela representa um avanço para as duas escolas”, ressaltou. O coordenador do curso, juiz Ricardo Cunha Chimenti, explicou a metodologia do módulo presencial e a dinâmica das avaliações do curso, que é credenciado pela Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam). Ele também agradeceu a participação de todos e solicitou o envio de sugestões para aprimoramento do curso. Na sequência, o juiz Swarai Cervone de Oliveira debateu com os participantes da Capital e dos núcleos regionais os principais temas do curso. Na oportunidade, ele discutiu os enunciados da “I Jornada de Direito Processual Civil”, promovida em agosto, em Brasília, pelo Centro de Estudos Judiciários do Conselho da Justiça Federal (CEJ/CJF). Após a exposição, os participantes foram pididos em grupos de debates, utilizando a metodologia “Phillips 66”. Em seguida, os magistrados participaram de discussões e de estudos de casos concretos em grupos. Na Capital, o curso teve a participação, como tutores, dos juízes Ana Rita de Figueiredo Nery e Paulo Furtado de Oliveira Filho. Nos núcleos regionais atuaram como tutores os juízes Alexandre Dartanhan de Mello Guerra, Frederico dos Santos Messias, Henrique de Castilho Jacinto, João José Custódio da Silveira, José Cláudio Domingues Moreira, Luiz Fernando Cardoso Dal Poz, Márcio Teixeira Laranjo, Marcos Pimentel Tamassia, Paulo César Scanavez e Renato Siqueira De Pretto.
07/12/2017 (00:00)
Visitas no site:  228795
© 2017 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.